segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

17 ANOS DEPOIS...



Olá blogueiros. E só podia ser no domingo né? Como eu escrevi neste domingo, o dia era perfeito para uma grande festa no mais tradicional estádio do mundo. E o Flamengo não perdeu a oportunidade. Mesmo com o peso de quase 100 mil pessoas nas pernas, a equipe soube controlar os nervos e se deixou levar pela força da massa e conquistou os três pontos mais importantes dos últimos 17 anos (2x1). Para quem achava mesmo que o Grêmio entregaria o jogo, ficou a lição. Os gaúchos foram bravos e dignos! Jogaram como se estivessem disputando o título. Com toda a certeza valorizam muito o HEXA do Flamengo. Qualquer reclamação por parte do lado vermelho do Rio Grande, é mero chororô.

O Flamengo é Campeão com toda a justiça do mundo. Mesmo fazendo um fraco primeiro turno, sendo o campeão com menor aproveitamento dos pontos corridos, trocando de treinador no meio da competição, a equipe conseguiu ser eficiente na hora H. Quando a coisa começou a ficar séria, o Mengão não tremeu, pelo contrário, cresceu e chegou ao título. Os Rubro-Negros saíram do 14ª lugar e chegaram à liderança apenas na penúltima rodada. Enquanto Palmeiras e Inter lideraram a competição por “milhões de rodadas”, o Flamengo foi líder por duas vezes. Chegou ao momento decisivo e por isso merece e muito esse caneco. A equipe carioca teve alguns números reveladores no Brasileirão desse ano.


Números do Flamengo:

Maior número de vitórias: Flamengo e Inter (19)
Menor número de derrotas Flamengo e São Paulo (9)
2ª melhor defesa do campeonato: Flamengo (44 gols sofridos)
Maior número de roubadas de bola: Flamengo (758)
Time com maior número de contra-ataques: Flamengo (134)
Time com mais bolas levantadas na área: Flamengo (657)
Time com mais escanteios a favor: Flamengo (249)
Artilheiro do Campeonato: Adriano (19 gols)
Melhor média de público: Flamengo (40 mil)

Não posso deixar de citar o técnico Andrade. O treinador Rubro-Negro foi a alma dessa equipe. Como escrevi ontem, ele assumiu na partida contra o Santos (o time não vencia desde 79 na Vila Belmiro). E não é que o tabu caiu na estreia do Andrade, 2 a 1, e choro no final da partida. Ali a torcida do Flamengo chorou também, e se faltava alguma coisa para colocar o eterno ídolo no colo nesse novo desafio, não faltava mais. Andrade ainda passou por turbulências no início do returno, quando a equipe acumulava 3 derrotas seguidas. Mas a diretoria segurou a onda, os jogadores contundidos voltaram e o treinador arrumou a casa e mudou o esquema do Flamengo. O hexacampeonato tem os seis dedos de Andrade.
Só lembrando que o “Tromba”, como é conhecido no meio da bola, vestiu por anos a camisa 6 do Flamengo, foi autor do sexto gol da vingança contra o Botafogo em 1981 e neste domingo venceu seu sexto título Brasileiro (80, 82, 83,87 e 89 – como jogador) e agora como técnico e para fechar a conta das coincidências, Andrade é campeão Brasileiro com apenas SEIS meses de trabalho.


Para encerrar, o elenco completo do Flamengo – HEXACAMPEÃO

GOLEIROS:
Bruno, Diego, Marcelo Lomba, Paulo Victor


ZAGUEIROS:
Álvaro, Ronaldo Angelim, David, Fabrício, Marlon, Wellinton

LATERAIS:
Leonardo Moura, Juan, Everton Silva, Medina, Rafael Galhardo, Jorbison

VOLANTES:
Aírton, Maldonado, Lenon, Toró, Rômulo, Willians

MEIAS:
Petkovic, Zé Roberto, Kléberson, Ibson, Alex Cruz, Erick Flores, Everton, Fierro, Camacho

ATACANTES:
Adriano, Emerson, Josiel, Obina, Gil, Bruno Mezenga, Bruno Paulo, Denis Marques, Max Biancucchi

TÉCNICO:
Andrade

Um comentário:

Daniel disse...

Penta